Vaqueli firma convênio para instalação de classes descentralizadas que oferecerão cursos técnicos, por meio do Centro Paula Souza

O Prefeito Marcelo Vaqueli assinou na manhã desta terça feira (14) o convênio para a instalação de classes descentralizadas que oferecerão cursos técnicos, por meio do Centro Paula Souza.

De acordo com Rodrigo Garcia, secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação esses convênios são frutos de muito trabalho e dedicação do Governo, do Prefeito e do Centro Paula Souza. “Essas  classes descentralizadas são embriões de futuras Escolas Técnicas. Elas também marcarão o primeiro passo para formação técnica de qualidade de mais de mil alunos do interior paulista”, ressalta.

Inicialmente em Tremembé, somente o curso de Administração foi disponibilizado aos munícipes, mas para o segundo semestre as expectativas são as melhores para abertura de novos cursos. O Centro Paula Souza oferece também cursos de: Agronegócio, Informática para Internet, Marketing, Segurança no Trabalho, Manutenção e Suporte em Informática, Mecânica, Logística, Informática, Comércio e Contabilidade.

As aulas da 1ª turma de 2014 acontecerão na Escola Maria Dulce no Parque das Fontes a partir do dia 27 de Janeiro.

Com a assinatura desse convênio o Centro Paula Souza passa atuar de vez em Tremembé, oferecendo cursos técnicos, tecnológicos e ensino médio.

Qualidade
As classes descentralizadas são uma forma de levar os cursos técnicos oferecidos pela instituição a cidades que não têm Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) ou onde é preciso expandir o número de vagas. As aulas têm a mesma qualidade oferecida nas Etecs e as classes são administradas pela unidade mais próxima do município.

Sobre o Centro Paula Souza – Autarquia do Governo do Estado de São Paulo vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, o Centro Paula Souza administra Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e Escolas Técnicas (Etecs) estaduais, além das classes descentralizadas – unidades que funcionam com um ou mais cursos técnicos em parceria com prefeituras ou empresas, sob a supervisão de uma Etec –, em 306 municípios paulistas. As Etecs atendem mais de 216 mil estudantes nos Ensinos Médio, Técnico integrado ao Médio e no Ensino Técnico, para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços. Nas Fatecs, o número de alunos matriculados nos cursos de graduação tecnológica ultrapassa 64 mil.

Notícias Relacionadas

Mais recentes