Escolas de Tremembé recebem a Tocha Olímpica real utilizada nos Jogos Rio 2016

✅Ação da Secretaria de Educação ensina a história dos Jogos Olímpicos e fomenta a prática esportiva para os alunos da rede municipal de Tremembé com a exibição de uma Tocha Olímpica real, utilizada no Revezamento dos Jogos Rio 2016.

👩‍🎓A Secretaria de Educação de Tremembé inicia na próxima semana uma ação exclusiva para ensinar a história dos Jogos Olímpicos e fomentar a prática esportiva para os alunos da rede municipal de ensino. Trata-se da exibição nas escolas de uma Tocha Olímpica real, utilizada no Revezamento dos Jogos Rio 2016.

🥇🥈🥉🔥Símbolo dos Jogos Olímpicos da Modernidade, a Chama Olímpica faz parte de um ritual realizado desde a Grécia Antiga, e permanece como um dos principais ativos dos Jogos que acontecem neste momento em Tóquio, no Japão.

⛰Em 2016, durante os Jogos do Rio de Janeiro, o Revezamento Oficial da Tocha Olímpica passou pelo Vale do Paraíba nas mãos de atletas, personalidades, autoridades entre outras pessoas que tiveram a honra de conduzir um dos símbolos mais importantes da história dos Jogos: a chama acesa com os raios solares em uma cerimônia na cidade em Olímpia, na Grécia.
E é essa história milenar incrível que será contada através de uma ação interdisciplinar da Secretaria de Educação nas escolas municipais de Tremembé, que envolverá a comunidade escolar e incentivará a prática esportiva com a exibição de uma Tocha Olímpica utilizada na ocasião do Revezamento de 2016.

🎤“Ter esse exemplar real da Tocha, que inclusive tem as marcas do fogo olímpico, à disposição dos professores para ensinar a história e promover o espírito esportivo nos alunos é uma oportunidade única”, explica Daniela Renó, secretária de Educação de Tremembé.

O tema olímpico já faz parte do currículo da Rede de Ensino para algumas séries. “Sabemos que o nível de aprendizado e a motivação são maiores quando é possível promover experiências tangíveis entre os alunos. E é isso que eles vão vivenciar com a passagem da Tocha Olímpica nas escolas”, diz Daniela.

Crédito das Imagens: Nicolas Louzada – TecNic Produções

Notícias Relacionadas

Mais recentes