A Prefeitura de Tremembé, através da Secretaria de Educação, firma parceria com a Microsoft para a formação do aluno-monitor

A Microsoft possui, desde 2003, uma iniciativa mundial intitulada Parceiros na Aprendizagem (Microsoft Partners in Learning – PIL), visando disponibilizar tecnologias e apoio pedagógico para o desenvolvimento do potencial pleno de gestores, educadores, estudantes e toda comunidade escolar.

Em parceria com a Rede Municipal de Ensino de Tremembé os professores municipais foram contemplados com duas formações e a com criação de uma conta corporativa no Office 365 – o programa de tecnologia de ponta da Microsoft – sem nenhum custo para os cofres públicos.

Agora mais um importante passo foi dado na nessa parceria.  A Rede de Ensino foi contemplada com o Curso Aluno Monitor, criado para estudantes do Ensino Fundamental II e Médio de escolas públicas ou privadas. Este curso tem como base um conteúdo para propiciar conhecimentos em Informática, vivência do uso de tecnologias, orientação e preparo para o ensino superior e vida profissional.

A formação com os professores multiplicadores ocorreu no período de março a maio, atendendo 10 professores que atuarão como multiplicadores com os alunos, inicialmente, dos 9º anos da Rede de Ensino. O acompanhamento dos alunos interessados ocorrerá no 3º trimestre deste ano.

O curso é realizado 100% à distância: os professores formarão uma turma on-line com os alunos interessados, sendo todo o acompanhamento realizado via Internet. Professores e alunos recebem um valioso certificado emitido diretamente pela Microsoft, o que, além de enriquecer seu currículo pessoal, enrique em muito o processo de ensino e aprendizagem nas escolas.

Segundo avaliação do coordenador de projetos da Secretaria Municipal de Educação, responsável pela supervisão desta parceria, o professor Tumaki Cassiano da Silva, “a parceria que estabelecemos com a Microsoft tem possibilitado avanços significativos em nossa Rede de Ensino. Este projeto de aluno monitor é algo que desejávamos há muito tempo e que agora conseguirmos conquistar: uma oportunidade única aos alunos concluintes do Ensino Fundamental. Temos certeza que estamos, com isto, instrumentalizando os alunos para sua entrada no Ensino Médio e quem sabe para se profissionalizar na área de Informática”.

Notícias Relacionadas

Mais recentes